Análise da 1º temporada de ‘The Boys’

0
319

 

A série ‘The Boys’ estreou em Julho na Amazon Prime Video Brasil, porém só este mês (férias né amigão?!) conseguimos assistir e pirar nela. Confira o que achamos!

 

 

Pra quem não sabe, ‘The Boys’ é uma HQ criada pelos roteiristas Garth Ennis e Darick Robertson, que conta a história de um mundo onde os heróis não são tão bonzinhos como aqueles que acostumamos a ver em outras séries da DC ou Marvel por exemplo. Neste mundo, os heróis são bem FDP e quase sempre agem de forma egoísta. A HQ foi adaptada e se transformou numa série pela plataforma de streaming Amazon Prime Video e após a estreia da 1º temporada já ganhou uma legião de fãs.

 

Estivemos recentemente na CCXP e pudemos conferir de perto como a série tem muitos, mas muitos fãs mesmo. O estande da série era um dos mais cheios do evento, e inclusive recebeu alguns atores que tiveram um contato incrível com o público.

 

Na verdade esta era uma série que queríamos ver, mas não tivemos tempo até então. Após a CCXP voltamos a ficar com vontade de assistir a série, e maratonamos rapidamente (afinal, são apenas 8 episódios).

 

Voltando a história, o foco da série é a Vought, uma espécie de agência de heróis que oferece aos governos seus agenciados para combater o crime, além disso, os agenciados trabalham como modelos de grandes marcas. Porém, algo de errado beira os corredores da empresa, sua história e até mesmo seus agenciados.

 

Logo no começo da série podemos ver o quão FDPs (só consigo usar este termo para falar deles) podem ser os heróis. Eles agem em alguns momentos por conta própria, matam por que querem, falam palavrões adoidado (tá vendo?! não sou só eu…) e são muito, mas muito pervertidos, totalmente o oposto de heróis como os da Marvel e DC que sempre prezam pelo bem da humanidade. Os heróis de ‘The Boys’ só pensam em sexo, dinheiro e fama!

 

No primeiro episódio podemos ver o Hughie num momento bem fofo com sua namorada Robin, de repente passa correndo o Trem-Bala, um dos heróis da Vought e por ser muito rápido e forte, ele passa por cima de Robin, destruindo seu corpo por inteiro, só sobrando suas mãos. É neste momento que Hughie começa a ter raiva dos heróis e por conta disto Billy se aproxima dele. Billy é outro que tem uma história triste com participação dos heróis. Sua esposa sumiu há alguns anos e ele acredita que Capitão Pátria tem algo a ver com isto, que o heróis a estuprou e a matou. Billy quer se vingar do Capitão Pátria e para isto usa a comoção de Hughie para incentivar ele a entrar nesta sua busca por vingança.

 

Nos episódios que se passam somos apresentados de forma bem engraçada e em alguns momentos aos outros personagens, sejam eles heróis ou não, todos eles tem um destaque bem legal e nenhum é deixado de lado ou esquecido pela série. Isso é uma coisa bem legal, pois podemos ver que os autores dão importância à todos os personagens.

 

Não preciso ficar contando trecho a trecho, episódio por episódio aqui, afinal se você assistiu já sabe o que irá acontecer e se não assistiu recomendo (e muito!) que assista. Só preciso dizer aqui que é claro, é uma série para adultos, portanto, se você papai ou mamãe ver seu filhinho cheio de espinhas assistindo ‘The Boys’, corta a internet dele beleza? A série conta com muito palavrão, perversidade, sexo (ou insinuações).

 

É uma série para adultos, claro, mas não é apelativa (como achei que seria). Ela tem muitas cenas engraçadas, muitas cenas de ação (onde a física é bem respeitada) e um roteiro muito bem amarrado. Um ponto legal é que cada episódio tem aproximadamente 1 hora, o que faz com que cada episódio comece e termine bem, sem deixar nada solto para descobrirmos no episódio seguinte. É um caso quando temos que assistir 3 ou 4 episódios para entender uma coisa simples. Ponto super positivo para a Amazon Prime Video!

 

 

Voltando a falar da história, ela é realmente muito boa e mostra uma visão que acredito ser a mais real caso tivéssemos heróis andando entre nós. Ou vocês acham realmente que se tivéssemos um monte de heróis por aí eles seriam todos bonzinhos como o Superman?  Há momentos que nos surpreendem de tal forma que ficamos com muita raiva dos heróis e isso é fantástico, pois o roteirista conseguiu atingir o que queria.

 

O final era meio que esperado já, mas foi mostrado de uma forma diferente do imaginado por nós. Ou seja, gostamos também do final da 1º temporada (o que é surpreendente pelo menos para mim) e nos fez querer que ver logo a 2º temporada.

 

Aliás, a 2º temporada de ‘The Boys’ deve estrear no meio de 2020. Até lá, caso não tenha visto ainda a 1º temporada, confira na plataforma de streaming Amazon Prime Video.

 

Confira abaixo o teaser da 2º temporada de ‘The Boys’:

 

 

1º Temporada da série The Boys - Amazon Prime Video
Nota Final
9.3/10
9.3/10
  • Ideia e Roteiro - 10/10
    10/10
  • Fotografia, Figurinos e Efeitos Visuais - 9.5/10
    9.5/10
  • Áudio e Trilha Sonora - 8.5/10
    8.5/10
  • Adaptação e Atuação - 9/10
    9/10
Sending
VOTAÇÃO POPULAR ➡️
0 (0 votes)

CONSIDERAÇÕES FINAIS

O final era meio que esperado já, mas foi mostrado de uma forma diferente do imaginado por nós. Ou seja, gostamos também do final da 1º temporada (o que é surpreendente pelo menos para mim) e nos fez querer que ver logo a 2º temporada.