Representatividade Negra nos Games

0
6

 

Qual o papel da representatividade negra na indústria criativa, em especial no setor de games? para responder a esta e a outras perguntas, o Conselho da Diversidade da Abragames – Associação Brasileira das Desenvolvedoras de Jogos Digitais organiza o primeiro bate-papo para discutir a questão da representatividade negra nos jogos eletrônicos e na indústria de games.

 

O debate “Representatividade Negra nos Games” acontece no dia 7 de agosto, às 19h, na Biblioteca da Unibes Cultural (Rua Oscar Freire, 2.500), entrada franca. A Abragames convidou desenvolvedores de jogos que têm atuado nesta causa e pesquisadores da área para discutir onde estamos a para onde queremos ir quando o assunto é representatividade negra.

Entre os debatedores, estão: Raquel Motta (Sue The Real), José Wilson (Pix Juice), Marcos Silva (Sue The Real), Mariana Rodrigues (Flux Games), Simon Gamboa (Tapps Games), Ivelise Fortim (Homo Ludens).

Segundo os organizadores do evento e representantes do Conselho da Diversidade da Abragames, entre os objetivos do Conselho, está a conscientização da comunidade gamer e de empresários sobre a desigualdade, ainda presente em diversas esferas sociais e sobre a maneira como ela, infelizmente, reflete em toda a nossa produção nacional. “Para isso, é necessário abrir espaço para diálogo e discutir questões relacionadas à diversidade de gênero, de raça, de identidade sexual, deficiências e seu impacto na indústria brasileira de games”, afirma Vicente Vieira Filho, vice-presidente da Abragames.

 

Durante o evento, serão anunciadas as diretrizes do Selo de Apoio e Incentivo à Indústria na  Categoria Raça, outra iniciativa do Conselho da Diversidade. As diretrizes irão compor as normas representativas do Selo de Apoio e Incentivo à Diversidade, um instrumento criado para prestigiar e evidenciar ações relacionadas à produção de jogos no Brasil. “Atualmente, apenas o selo de Gênero e LGBTQ+ estão disponíveis, aproveitamos o evento para lançar o selo de raça”, explica Camila Malaman, representante do Conselho e uma das organizadoras do evento.

 

Sobre a Abragames

Criada em 2004 por um grupo de empresas de desenvolvimento, a Abragames, Associação Brasileira dos Desenvolvedores de Jogos Digitais, surgiu como uma entidade sem fins lucrativos e com o objetivo de fortalecer a indústria nacional de desenvolvimento de jogos. www.abragames.org 

 

Sobre o Conselho da Diversidade

O Conselho da Diversidade da Abragames foi criado em outubro de 2018 e é formado por um grupo de mais de 10 profissionais da indústria de games de empresas associadas à Abragames. O objetivo é promover ações que ajudem a difundir a cultura do respeito e da igualdade nos ambientes de estudo e trabalho da indústria de jogos em território nacional, por meio da oportunidade de inclusão e, consequentemente, maior representação, do grupo aqui descrito como minorias representativas: composto por mulheres, cis e trans, pela comunidade LGBTQI+, pessoas negras e de outras etnias e pessoas portadoras de deficiência.

 

Sobre a Unibes Cultural

A Unibes Cultural é um centro de cultura para todas as idades que oferece programação diversificada e majoritariamente gratuita a toda a população. Foi criado em 2015 pela Unibes, instituição filantrópica com mais de cem anos de atuação na cidade de São Paulo e que tem como foco de atuação a área de desenvolvimento social. O novo centro de cultura tem como vocação levar conhecimento de forma democrática e plural aos habitantes de São Paulo e a todos os brasileiros. Um dos diferenciais é o amplo espectro da programação, estruturada em torno de temas contemporâneos, como: longevidade, empreendedorismo, arquitetura, urbanismo, economia criativa, moda, design, atualidades, tecnologia, universo digital, gastronomia, sustentabilidade, música, turismo, literatura, artes visuais e filosofia. Em torno desses temas, é construída a programação de cursos, palestras, workshops, shows, exposições interativas e feiras temáticas. O espaço foi criado para estimular o convívio intergeracional e possui áreas de coworking, wifi livre e cafeteria.
https://unibescultural.org.br/

 

Serviço

Data:  07/08
Horário: 19h às 21h
Local: Biblioteca da Unibes Cultural, Rua Oscar Freire, 2500 – SumaréSão Paulo, SP 05409-012
Entrada: Gratuita
Inscrições: https://bit.ly/2OG0XA2

 

Palestrantes

 

Mariana Rodrigues, Flux Games
Simon Gamboa, Tapps Games
Ivelise Fortim, Homo Ludens
Marcos Silva, Sue The Real
Raquel Motta, Sue The Real
José Wilson, Pix Juice