Análise do jogo remasterizado ‘The Eternal Castle’

0
54

 

Desenvolvido pela TFL Studios, ‘The Eternal Castle Remastered’ foi lançado no dia 21 de agosto de 2020 para o Nintendo Switch, mas a versão remasterizada de PC já havia sido lançada em 05 de janeiro de 2019. O jogo vem sendo comparado com ‘Another World’, ‘Flashback’ e ‘Prince of Persia’.

 

 

O game é em 2bits (isso mesmo 2 bits!) e se passa em uma era pós apocalípticos, uma tentativa de fugir da Terra para outros mundos terminou com pessoas presas em uma espécie de êxtase dentro de uma nave em órbita da Terra, enquanto o planeta caía no caos. O player começa o jogo com umas das pessoas que estão na nave e a mesma cai na Terra. A partir daí, vem uma mistura de vinhetas apocalípticas e de ficção científica com um o covil de cientista louco, um conjunto de ruínas destruídas pela guerra e um templo coberto de mato governado por algum tipo de culto.

 

 

Um jogo com níveis aleatórios, encontros inesperados, com várias armadilhas e enigmas, com vários mundos de atmosfera única e com muita ação corpo a corpo. Com uma pegada de anacronismos. A estética CGA que alterna em conjuntos de quatro cores e trazendo a sensação de estar jogando no DOS com a animação preservada dos anos 80.

 

A trilha de ‘The Eternal Castle’ tem um som de synthwave moderno com as dos filmes, com efeitos que são uma mistura de ruído forte digital e fora os ângulos áspero, com tons cianos e rosa.

 

 

‘The Eternal Castle’ pode ser jogado em single player ou em modo multiplayer local, são 20 níveis em 5 mundos. Para adquirir, na Steam o jogo está por R$ 19,87 e para o Nintendo Switch US$ 14,99.

 

Confira a gameplay do jogo abaixo feita no canal Com Noção!