Análise da minissérie Clickbait, disponível na Netflix

0
260

 

No dia 25 de agosto estreou uma das melhores minisséries da Netflix. Na minissérie de suspense Clickbait, oito pontos de vista diferentes dão pistas para solucionar um crime alimentado pelas redes sociais.

 

 

Em Clickbait acompanhamos o desenrolar de uma investigação criminal onde um homem de família é sequestrado e tem um vídeo espalhado na internet pelos sequestradores. No vídeo Nick Brewer (Adrian Grenier) segura placas onde lê-se “Eu abuso de mulheres. Com cinco milhões de visualizações, eu morro” e “Eu matei uma mulher”.

 

Apesar da produção ter chegado ao streaming sem muito alarde, logo ela viralizou e agradou a todos que assistiram, não só pela trama e pelo assunto “redes sociais” estar envolvido, mas pela construção de uma história onde a cada episódio somos surpreendidos com novas informações. São apenas 8 episódios de aproximadamente 40 minutos cada intitulados A irmã, O investigador, A esposa, A amante, O repórter, O irmão, O filho e A resposta, onde vemos o ponto de vista de personagens diferentes sobre o crime e como tentam descobrir quem verdadeiramente matou Nick Brewer e porque fez isto.

 

Em certo ponto, Clickbait deixa de ser apenas uma série para ser um verdadeiro serviço ao público, ao ensinar e mostrar os perigos da internet, de redes sociais e da exposição excessiva de dados e fotos nossas. Apesar da produção ter classificação indicativa de 16 anos, super indico que pais e responsáveis apresentem Clickbait para seus filhos adolescentes, pois realmente é importante que esta geração aprenda a lidar com o uso de redes sociais e os perigos que elas podem trazer, pois… nem tudo é como parece…

 

Clickbait não é baseado em uma história real, mas tem elementos de situações vividas por muitas pessoas. Segundo os cocriadores Tony Ayres e Christian White, “todo mundo tem uma vida secreta nas redes” e “todo mundo esconde algo”, e foi baseado nisso que a série foi criada. “As pessoas podem cair nessas tocas de coelho que parecem inocentes, especialmente com a internet, especialmente agora, e que desencadeiam consequências surpreendentes e às vezes trágicas no mundo real”, acrescentaram.

 

Apesar de ser uma minissérie e ter sido pensada para apenas uma temporada, o público tem pedido insistentemente nas redes sociais (omg… que ironia!) uma continuação de Clickbait. Resta saber se a Netflix dará ouvidos ao público.

 

Para finalizar, Clickbait é daquelas produções muito bem feitas, com uma história intrigante, episódios que fazem o público achar que encontrou a solução e um final totalmente surpreendente. Vale a pena maratonar Clickbait!

 

 

A minissérie Clickbait está disponível na plataforma de streaming da Netflix. Confira o trailer abaixo:

 

Clickbait - Netflix
Nota Final
8.5/10
8.5/10
  • Ideia e Roteiro - 10/10
    10/10
  • Fotografia, Figurino e Efeitos Visuais - 8/10
    8/10
  • Áudio e Trilha Sonora - 8/10
    8/10
  • Adaptação e Atuação - 8/10
    8/10
Sending
VOTAÇÃO POPULAR ➡️
0 (0 votes)

CONSIDERAÇÕES FINAIS

A melhor série de 2021!