Análise da 1º temporada da série ‘Cidade dos Mortos’, disponível na Netflix

0
447

 

Se você tem dificuldades em dormir, sofre de insônia, vamos indicar uma série que vai te deixar sonolento o tempo todo. ‘Cidade dos Mortos’, mais uma série sobre uma pandemia e sobre zumbis, com personagens fracos e um roteiro cheio de clichês.

 

 

‘Cidade dos Mortos’ é uma série russa, baseada no livro ‘Vongorezo’ de Yana Vagner. A série foi lançada em 2019 na Rússia, mas somente em outubro de 2020 que foi disponibilizada na Netflix. Apesar de ter sido uma das séries que ficaram no topo das mais vistas da plataforma de streaming, acredito que muita gente se sentiu “enganada”, assim como eu…

 

A série pega carona na velha história de pandemias + zumbis e um grupo de pessoas tentando sobreviver a este momento enquanto tem de se relacionar entre si e combater grupos rivais. Nada do que já não vimos em outras séries, porém, o que mais me incomoda numa série é ela não cumprir aquilo que sua sinopse indica. CADÊ OS ZUMBIS MEU DEUS?!?!

 

 

São oito intermináveis episódios que literalmente me deram sono (sim, dormi e infelizmente tive que voltar várias vezes nos episódios). Parece aquelas minisséries nacionais da Globo, cheio de histórias de relacionamentos interpessoais (não estou criticando este tipo de conteúdo, mas não era o que se esperava desta série), que deixam de lado o que o público queria que era uma história cheia de zumbis, pessoas correndo e grupos de pessoas fortes o suficiente para combater estes monstros.

 

 

‘Cidade dos Mortos’ acompanha a história de uma família de Moscou formada por Sergey (Kirill Käro), que está namorando a psicóloga Anna (Viktoriya Isakova), e ao mesmo tempo tenta salvar sua ex-mulher Irina (Maryana Spivak) e o filho quando a pandemia invade sua cidade. A série também envolve a família de seu vizinho Lyonya (Aleksandr Robak) e o pai afastado de Sergey, Boris (Yuriy Kuznetsov). Todos eles fogem de Moscou em busca de um lugar tranquilo para sobreviver.

 

 

Fora os clichês já conhecidos em séries sobre pandemias e zumbis, vemos outras coisas que mostram bem a falta de conteúdo de ‘Cidade dos Mortos’, como o uso excessivo de sexo e nudez. Claro que não sou contra sexo e nudez, mas estas cenas são colocadas de forma que não acrescentam em nada na história… parece que os produtores viram que tinha que fazer um episódio de 50 minutos, mas ainda faltavam 20 minutos para completar a cota, aí eles pensaram: “humm… o que vamos fazer agora? Já sei! Pessoal… tira a roupa que vai começar a putaria!”.

 

Graças à Deus aparentemente não há planos de uma 2º temporada da série! \O/

 

Repetindo…. se você tem insônia, indico assistir a ‘Cidade dos Mortos’!

 

A 1º temporada da série ‘Cidade dos Mortos’ está disponível na plataforma de streaming da Netflix. Confira o trailer abaixo: